terça-feira, 20 de setembro de 2011

CAPITAL em Itapeva: memorável!

Quem me conhece sabe o quanto aprecio uma festa. Sou da turma do “Vamo? Então, vamo!”. Esse ano fui apenas a dois shows. Na verdade três, mas um não vou contabilizar e o outro prefiro não comentar. Vou me limitar ao show do Capital Inicial. Simplesmente sensacional! Uma noite mágica. Um presente para quem gosta de música de qualidade. Dinho simplesmente deu um show à parte. Ele contagia, inebria, alucina. É impossível ficar parado! E ainda bem que eu estava na arena. Camarote não comportaria minha insanidade quando ouço os quarentões e cinquentões do rock brasileiro.  Capital é uma banda com uns trinta anos de carreira. Consagrados, reconhecidíssimos na história do rock nacional. Imaginei uma hora de show e” by Itapeva”, ganhamos nosso dinheiro, A NOITE CAI e é preciso DORMIR. Mas não, duas horas por toda plataforma porque Itapeva precisa de MÚSICA URBANA.
Você não foi? Ah... Então você preferiu ficar À SUA MANEIRA. Sinto muito! ATÉ QUANDO ESPERAR pelo próximo? Ainda bem que não teve CHUVA.  Ao lado do meu amor COMO DEVIA ESTAR.  Ainda bem que não vi nenhuma VERANEIO VASCAÍNA. Senão: QUE PAÍS É ESSE?
GRATIDÃO Capital.........vocês ensinaram que viver da arte não é apenas ganhar dinheiro e aparecer em qualquer programa de auditório, pois há muito artista que não vive sem um ESPELHO NO ELEVADOR.  É preciso ser um pouco PSICOPATA e sentir prazer no que faz! Afinal: quem sabe não precisa de PROVA!
Sinceramente? Voltei a ficar de OLHOS VERMELHOS e nem lembro mais dos meus PRIMEIROS ERROS!

Nenhum comentário:

Postar um comentário