segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

O sonho do capitão - Discurso de Formatura Sesi 399

Dizia Descartes que a linha que separa o sonho da vigília é muito tênue.
Noite passada tive uma sensação muito parecida.
Com os olhos semi serrados, julguei  que estava em um navio, repleto de crianças, adolescentes e jovens que corriam e perambulavam por cabines, naus e proas.
Senti o peso do corpo, resolvi descansar.
Na cama, entre a consciência dos fatos e a dormência dos sentidos , aos pés da cama senti a presença de um ser que me disse:
- Capitão, trago boas novas. Seus tripulantes partirão amanhã ao nascer do sol.
Subitamente levantei e o contestei: Não pode ser!! Eles ainda não estão prontos!! Não aprenderam tudo, não treinaram o suficiente.
- Capitão, Capitão? Navegastes com eles por quantos mares? Enfrentastes com eles quantas tempestades? Vislumbrastes com eles quantos sóis do nascer  da manhã  ao cair da tarde? Observastes com eles quantas espécies de peixes e aves? Visitastes com eles quantos lugares da terra? Quantos monstros lhes ajudastes a vencer? Como Odisseus não superastes com eles os encantos das sereias? Não fugistes com eles da morada de Polifemo, o ciclope? Não visitastes com eles palácios, catedrais, cidades e civilizações? Não conhecestes com eles os horrores das guerras e holocaustos? Não aprendestes com eles línguas e culturas tão diversas como as incontáveis estrelas que com eles contemplastes na imensidão do céu?
- Não sei se és um anjo ou um demônio para tudo isso saber, respondi. Mas temo que ainda seja cedo demais para entregar-lhes o leme.
- Capitão meu capitão? Por que temes? Não é chegado o tempo  dos tripulantes tomarem  as rédeas do próprio destino e da própria história? Não é chegada a hora de expandir seus horizontes? Não fostes tú que lhes  dissestes que o barco é apenas uma ponte? Pois a ponte amanhã será baixada e eles partirão.
- O que farei eu sem eles?  E o que farão eles sem mim?
- Tu continuarás capitão e eles serão o que escolherem ser, o que quiserem fazer de si mesmos.  Eles são livres e tú também és! O mar é imenso e infinitas são as direções. Já amanheceu e eles estão partindo. Olhe pela janela e contemplarás.
(E ao olhar pela janela, o capitão avistou um sem número de pequenos barcos.  Cada um seguindo seu próprio curso, à sua maneira e ao seu tempo. Olharam todos para trás e acenaram ao velho capitão em sinal de gratidão.)
- Agora descanse capitão! Recarregue suas energias pois a sala de embarque está cheia de novos tripulantes.  Ansiosos por viajar, ansiosos para conhecer o mar. Ansiosos para conhecê-lo. E não se esqueça. Cada um que foi deixou em ti uma marca. Cada um que partiu leva também um pouco de ti.
Obrigado 3ºA e 3ºB, nossos tripulantes nesses 3 anos de Ensino Médio. Tenham a certeza de que vocês nos ajudaram a ser professores melhores e mais dedicados. Que os bons ventos e os deuses do mar os acompanhe nessa nova viagem!
Termino com uma frase de Gandi
"Os tiranos e assassinos podem vencer por um tempo. Mas seus castelos e reinados um dia ruirão. Só o amor e a bondade permanecerão para sempre!".

Desejam vencer? Escolham o bem e não se arrependerão! O tempo dirá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário